Gestão de Eventos - Centro Paulo Freire, VIII Colóquio Internacional Paulo Freire

Tamanho da fonte: 
A SUSTENTABILIDADE EM FREIRE: DIÁLOGOS ENTRE SUAS SITUAÇÕES EXISTENCIAIS, O MOVIMENTO CTS E A ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA
Karla Maria Euzebio da Silva, Zélia Maria Soares Jófili

Última alteração: 10-09-2013

Resumo


O presente trabalho diz respeito a um ensaio em que se busca estabelecer conexões entre as situações existenciais propostas por Paulo Freire na obra Educação como Prática da Liberdade, a sustentabilidade e a educação científica. Para tanto, é realizada uma reflexão a respeito da emergência da sustentabilidade, da Educação Ambiental, da Alfabetização Científica e do Movimento CTS. Posteriormente, são apresentadas as gravuras das situações existenciais propostas, bem como das palavras geradoras trabalhadas, havendo uma discussão de suas relações com as temáticas: ciência, tecnologia, cultura, modos de vida e intervenção antrópica nos ambientes naturais. Enfatiza, também, que a partir da reflexão e da conscientização de que o ser humano vive no (e com) o mundo que pode ser transformado e (re) transformado em colaboração com o outro é possível construir e fortalecer práticas sustentáveis.

Palavras-chave


Situações existenciais, Movimento CTS, Alfabetização científica, Prática da liberdade

Texto completo: Resumo  |  Trabalho